«

»

ago 07

Imprimir Post

Comportamento do Umbandista, Umbanda não é Achismo!

umbanda_luzdivinaPor Pedro Scarabelo

Salve, salve!

Bom quero começar este post dizendo de cara que umbanda não é fundamentada por achismos e sabendo que cada templo, cada casa de umbanda, tem particularidades diferentes, o que gera um pouco de interpretações diferenciadas por linguagem, isso não isenta os FUNDAMENTOS da Umbanda.

Umbanda tem fundamento e é preciso estudar!

Geralmente os terreiros são constituídos com número ilimitado de pessoas, de médiuns que são os trabalhadores da caridade e cada um tem um pensamento diferente, o que muitas vezes gera atritos, pois um médium acha a ritualística e a particularidade da casa correta, outro já não acha, enfim…  Esta situação jamais pode colocar o templo a prova e e nem tão pouco passar por cima dos FUNDAMENTOS de nossa amada religião, por isso, se existe a grande importância de ESTUDAR a religião e seus fundamentos.

Hoje estudar a religião de Umbanda, não esta nada difícil, temos muito material a disposição, cursos nos terreiros, cursos em plataformas online, cursos em outros terreiros caso o seu não tenha e não tem nada de mais estudar e aprender em outro terreiro já que o seu não disponibiliza tais conhecimentos.

Umbanda deixou de ser só pratica mediúnica, aquela velha história de que na hora que o intermediador incorporar a entidade espiritual ela fará o resto, esta história não cola mais! Não que a entidade não o faça! claro que faz! e sempre farão o que for melhor para nós e para o templo, porem, a Umbanda precisa cada vez mais de médiuns capacitados, preparados e com conhecimento dos fundamentos, isso gera menos conflitos, reduz o ego, melhora a união dos médiuns, os atendimentos tanto materiais, quanto espirituais  se elevam na qualidade, acaba com os achismos etc.

Então você que faz parte de uma corrente, de uma casa, de um templo, de uma tenda de umbanda, lembre-se você é um ELO da corrente e tem que estar firme, concentrado e alinhado com os fundamentos de sua religião e com a ritualística de sua casa, bem como, com a particularidade assumida e com a dirigência de seu sacerdote.

Então meu caro irmão, minha cara irmã, que esta lendo este post, nunca faça ao teu próximo o que não quer que o seu próximo faça para você, procure nunca cobiçar o alheio nem dentro e nem fora do terreiro, socorra sempre aos necessitados sem questionamentos, pois você é médium de umbanda 24 horas por dia, 365 dias por ano, e é missão prestar a caridade sempre, seja dentro ou fora do terreiro. Respeite sempre todas as religiões para que também seja respeitado e se for desrespeitado,  hoje temos meios legais contra a intolerância religiosa, mais procure sempre respeitar, mesmo que veja outro segmento falando mal, afinal. Nunca critique o que não entende, por isso, procure estudar e aprender sempre, pois para fazer criticas construtivas precisar no minimo ter conhecimento fundamental de sua religião, procure sempre cumprir sua missão ainda que tiver que ser com sacrifícios. Orai e vigiai sempre, para que se defenda e para que resista aos ataques maléficos, com pernas firmes.

Tenha fé na Umbanda mergulhe em sua essência religiosa, porque um umbandista consciente não é um umbandista contemplativo e interage o tempo todo com o mundo espiritual e também com o universo magico e divino, já que é, em si um templo vivo e através do qual os Sagrados Orixás manifestam seus magnetismos e vontades segundo nosso mestre Rubens Saraceni, e a fé, em sua religião sagrada, é mais que uma questão de crença. É um verdadeiro ato de fé, pois um umbandista é o meio natural por onde a religião flui com intensidade e mostra-se em toda a sua grandeza e divindade, ainda que de forma simples e adaptável às condições do seu médium.

Cremos em um Criador Supremo; cremos na existência das hierarquias divinas; cremos na manifestação dos Sagrados Orixás através da incorporação de suas vibrações mentais; cremos na existência do mundo espiritual; cremos na interação deste mundo superior com o nosso mundo material. Então se CREMOS, vamos fazer cada dia o melhor para nós, para nossa evolução, para o nosso templo e para nosso mundo! Vamos praticar nossa amada religião com fé e amor, praticando a caridade, estudando para que com isso possamos ir diminuindo as contrariedades de linguagem, para que  possamos ir acabando com os achismos dentro do terreiro “eu acho isso, outro acha aquilo, tem que ser assim ou assado, ou este terreiro esta certo e aquele errado” tudo isso tem que acabar! Vamos nos Unir e não desagregar, a Umbanda é linda e precisa ser compreendida mais e mais a cada dia, e para isso ela precisa de adeptos conscientes de seus fundamentos. Lembre-se, nenhum de nós sozinho é tão forte quanto todos nós juntos! Respeite sempre seus irmãos de corrente, respeite sempre seu terreiro, respeite sempre os outros terreiros, mesmo que tenham particularidades diferentes que o seu, tente unir sempre e nunca desagregar!

Saravá, e que nosso Pai Oxalá te Abençoe!

Pedro Scarabelo
Dirigente Espiritual da Casa Luz do Amanhã

 

 

Link permanente para este artigo: http://www.casaluzdoamanha.com.br/home/comportamento-do-umbandista-umbanda-nao-e-achismo/